top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

PSDB/Cidadania fecha com MDB/PR


O presidente do Republicanos - PR, Jota Pierin, confirmou esta semana que o PSDB juntou-se à aliança MDB/PR. O PSDB tem agora como presidente Antonio Marco Jantsch e vice o vereador Jairson Sabino. E o Cidadania também já que PSDB e Cidadania são uma federação. Enquanto isso, o pré-candidato da aliança MDB/PR/PSDB-Cidadania, Luiz Sieves  continua fechando apoios importantes. Nos próximos dias haverá um grande evento para formalizar a aliança com lideranças regionais e do estado, e também o anúncio de novas filiações, entre eles o Zeca Peschiski, o zeca do campo. A aliança ainda poderá contar com mais dois partidos, cujas conversas estão acontecendo esta semana.


Posse


Acontece nesta sexta-feira a posse da nova diretoria da Associação dos Servidores Públicos de São Bento do Sul - ASP. O evento será realizado na sua sede. Hoje a entidade é presidida por Juliana Forteski.


Turismo doce


Na noite de segunda-feira, o projeto Vivências Rurais foi destaque na assembleia da APINECTAR - SUL (Associação de Apicultores e Meliponicultores) realizada no Recanto Água Doce, em São Bento do Sul. Coordenado por Luiza da Silva, Leoni Fuerst, Rogério Pietrzacka e Paulo da Rosa, o projeto busca integrar a prática da apicultura com o Turismo de Base Comunitária, promovendo a sustentabilidade e o desenvolvimento local.


Republicanos


O ex-governador e presidente do Republicanos em Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, segue nos bastidores da política atuando para fortalecer a sigla no Estado. Em entrevista à Folha Regional, Moisés fala sobre as articulações do partido na Amurel, o incentivo à participação das mulheres na política e alguns nomes que concorrerão à majoritária na região. “É fundamental que o governo reavalie suas prioridades”, diz Moisés sobre a gestão de seu sucessor. Ele confirma que não será candidato em 2024, mas se prepara para a disputa de 2026.


Cargo na Alesc


No último dia 15 de fevereiro de 2024, o ex-vice-prefeito de Papanduva, Jaime Iankoski, após renunciar ao cargo de prefeito e mesmo sendo vice-presidente do PSD, aceitou a indicação de um cargo na liderança do PL na Alesc. Para quem disse que não queria mais saber de política, esqueceu rapidinho de tudo que disse. E hoje mesmo não cumprindo horário na Alesc, recebeu durante o curto período entre 15 e 29 de fevereiro, vencimentos brutos no valor de R$ 6.267,67 pelo novo cargo. E o contribuinte que paga o seu salário, que vá plantar batatas...


O fim da picada


A Câmara de Monte Castelo, aprovou o requerimento do vereador Eraldo Lemos - Podemos, endereçado ao prefeito Jean Carlo Medeiros, solicitando o comparecimento da secretária de Assistência Social, Fabiola Jacyntho Correa, para em plenário, justificar e responder o fato de não haver recursos para atender pedidos feitos pela comunidade, de materiais como forros e telhas, "devido a não haver recursos por parte da Câmara de Vereadores". Isso é o fim dos tempos, primeiro por que pelo que se sabe é a prefeitura que paga com seu orçamento os gastos de todas as secretarias. Mas enganar o povo dizendo que a culpa é da prefeitura é o fim da picada. Agora tudo que a prefeitura não consegue atender os munícipes sempre será por culpa da Câmara.


Promosul


Finalmente, após cumprido todos os atos legais, o município de São Bento do Sul, receberá oficialmente a estrutura da Promosul. O ato será realizado no Auditório da sede da Fundação Promotora de Eventos de São Bento do Sul - Promosul, situada na Travessa Francisco Soehtje, no 320, Bairro Brasília, na cidade de São Bento do Sul, Estado de Santa Catarina, no dia 27 de Março de 2024, às 14:00 horas. O calendário de eventos de 2024 continurá acontecendo.


MDB descontente


O MDB de Santa Catarina, não digiriu bem as investidas no PL de Jorginho Mello em lideranças do partido, como por exemplo, a filiação de prefeitos. Isso se deve pelo que vem acontecendo durante a janela de filiações. Os emedebistas farão conta para saber o tamanho do rombo deixado pelo PL em sua base. Nesta semana, a investida de Jorginho foi para cima do prefeito de Cocal do Sul, Fernando de Faveri (MDB). Lideranças disseram que ele ficou balançado com o convite que recebeu.


MDB descontente II


Além disso, boa parte do núcleo emedebista ainda não engoliu a ida do deputado estadual Egídio Ferrari para o PL após ter dado a palavra de que se filiaria ao MDB. Uma fonte me disse que um dos mais contrariados com a situação é o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro De Nadal (MDB), que foi o responsável pela articulação pela filiação de Ferrari. Acredito que após o término da janela partidária o bicho vai pegar.

Comentários


bottom of page