• Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Preocupação 

O agravo de instrumento apresentado pelo Promotor de Justiça, contra as obras do Fort Atacadista, se aceito pelo Tribunal de justiça, pode suspender as licenças imetidas pela prefeitura, e consequentemente suspender as obras.


Preocupação II

A ação foi proposta pelo ambientalista Arnaldo de Conto, sob alegação de que não foi respeitado o recuo legal da galeria de um rio que corre nos fundos da obra. Foi de 15 metros e a lei diz que é 30.


Preocupação III

Não que a lei ambiental não seja respeitada, mas isso pode atrasar a obra e ou até a empresa resistir do empreendimento. Isso seria ruim pois a cidade perderia pelo menos 200 vagas de emprego. Realmente não dá para entender por que a prefeitura libera licenças de construção com esses erros.


Blá blá blá 

E novamente os senhores vereadores voltam a acusar Deus e o mundo pelo desastroso loteamento Alpestre. Espero que desta vez isso vá parar no Ministério Público.


Lembrança

O vereador Edimar Salomon fez elogios de quando o ex-deputado Mauro Mariani foi secretário de estado da infraestrutura, que pelo menos fez várias e importantes obras na nossa região. E na época alguns malacados ainda diziam que era pouco. E agora que estamos abandonados. Tá Bom!


Mais um

E a justiça voltou a condenar o ex-prefeito de Rio Negrinho Osni Schroeder, por improbidade administrativa. Por usar a máquina pública em proveitos próprio. Terá que devolver mais de R$ 1,2 mil. A justiça tem pelo menos mais dez processo contra Osni.


Alerta

Ao transitar pelas rodovias da região muito cuidado devido às chuvas. Com a Schlachtfest,  chopp e água na pista é perigoso. No mais Prosit.