top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Sem representação

O ex-deputado federal, Mauro Mariani, durante entrevista ontem na Liberdade FM, para o radialista Paulo Rogério Tureck, foi muito feliz em suas colocações sobre a atual situação política na região do Planalto Norte – “Estamos sem voz”, resumiu.


Sem representação II

Mariani disse que entre Campo Alegre e Canoinhas, este ano teremos pelo menos 20 candidatos a deputado estadual. “E claro que com esse número de candidatos a região não vai eleger nenhum – “Pois nos partidos grandes como o MDB, PP, PSD são necessários 40 mil votos, e no UB, PSDB, PT pelo menos 35 mil votos. E nos pequenos como o PSB, PL, PDT, NOVO e PL, entre 20 e 25 mil votos.


Sem representação III

Já sua opinião sobre essa disputa acredita que dois desses candidatos a estadual até reúnem condições, e também um federal, podem até conseguir se eleger, mas claro, se forem buscar votos em todos esses municípios, para arrumar 100 mil votos.


No mesmo tom

O prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni - MDB, tomou a frente de um movimento para acabar com a pouca representatividade de Itajaí e da Amfri na Assembleia Legislativa, nas próximas eleições. “Reverter esse quadro cabe a todos nós, lideranças”, acredita. Afinal, destaca, a região é uma potência econômica, com Itajaí responsável pelo segundo maior PIB do estado. “Não dá mais para admitir que não tenhamos na Alesc uma voz que realmente viva a nossa região e que esteja disposta a lutar de verdade por nossa gente. Perguntado sobre nomes, o prefeito afirma que o filho Thiago Morastoni é hoje um dos mais credenciados a pôr fim a esse ciclo. Olha, meu povo, e isso que ele está falando de uma região que reúne mais de um milhão de eleitores.


Finalmente

Após 10 anos de espera da comunidade do bairro Bela Aliança, a pavimentação da Estrada Dona Francisca iniciou nesta quarta-feira (3). O prefeito Antônio Tomazini esteve na via e conversou com moradores e engenheiros responsáveis pela obra. Serão 1,1 km pavimentados em concreto para recuperar e garantir mais resistência e durabilidade da rua.


Finalmente II

Desde 2012, logo após a pavimentação asfáltica da via, foram constatados problemas no trecho, gerando uma disputa judicial entre Prefeitura e a empreiteira responsável pela obra. Agora, após um grande esforço do governo municipal, foi possível dar início às obras para recuperação, com implantação de nova drenagem e pavimento em concreto. “Essa é uma melhoria reivindicada há tempo pelos moradores e empresários de indústrias locais. Desde que assumimos, nos comprometemos em iniciar o projeto e dar sequência à obra de revitalização da Estrada Dona Francisca. Hoje posso dizer que este é mais um grande momento, pois mais um projeto saiu do papel e se tornou realidade”, disse o prefeito Antônio Tomazini.


Aviso

Aos navegantes nessa eleição, se os candidatos não contratarem assessores de imprensa, para municiar a imprensa com notícias, eu pelo menos, não vou ficar o dia inteiro procurando matérias nas redes sociais. Meu jornal circula toda semana entre Campo Alegre, São Bento do Sul, Rio Negrinho, Mafra, Itaiópolis, Papanduva e Monte Castelo, e nesses municípios nem todos ficam o dia inteiro na internet.

bottom of page