• Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Tudo

Bem, tudo legal, ontem 244 famílias receberam a sua tão sonhada moradia no Loteamento Santa Fé em São Bento do Sul, depois de longos dez anos.


Mas

Mesmo levando mais de uma década para que isso acontecesse, os responsáveis não conseguiram “planejar”, a construção de uma creche, posto de saúde e outros benfeitorias no local.


E serão

Pelo menos mil pessoas que surge do dia para noite, em uma nova vila. O poder público, com certeza vai dizer que médico vai ter no posto de saúde da vila Centenário, claro, quando tiver. Creche também podem vir trazer seus filhos na Vila São Paulo. Isso sem falar da segurança.


Não seria

Mais sensato construir 10 ou 20 moradias junto a vilas e bairros que já tivessem toda estrutura, como postos de saúde, escolas, mercados, farmácias, etc...



Notícias

De bastidores e da rádio corredor, dão conta que a rejeição pelos vereadores de São Bento do Sul, do Projeto de Lei, que previa o repasse de R$ 50 mil, para o corte de pinheiros e outras árvores na cidade, poderá custar muito mais caro para a cidade. Pois sem retirar essa vegetação, não é possível, reformar ou ampliar o Ginásio Annes Gualberto, e escolas. O município poderá perder de arrancada mais de 2 R$ milhões em investimentos.


Pesquisa

Levantamento Paraná Pesquisas em Santa Catarina revelou que o governador Carlos Moisés aparece na liderança das intenções de voto na disputa pela reeleição com 25,4%.


Pesquisa II

A disputa pela segunda vaga no aparentemente inevitável segundo turno segue acirrada. O senador Jorginho Mello aparece com 15,5%, seguido do também senador Espiridião Amin com 12,1% e Gean Loureiro 10,6%.


Pesquisa III

Mais atrás aparecem Dario Berger e Décio Lima empatados com 5,3%, seguidos por Antídio Lunelli com 4,9%, Odair Tramontin 1,5% e Ralf Zimmer 0,6%. Brancos e nulos somam 9,1% e 9,7% não souberam responder.


Pesquisa IV

A liderança de Moisés, e também a garantia de 2º turno, condizem com os resultados da aprovação do governo com 50,4% satisfeitos com a administração atual e 44,5% que a rejeitam.


Pesquisa V

Já para o senado, o ex-governador Raimundo Colombo – PSD, lidera folgado na estimulada, com 43,2%, seguido por Kennedy Nunes – PTB, com 7,3%, Jorge Seif - PL com 4,0% e Afrânio Boppré - Psol com 3,1%.


No caso

Do senador Esperidião Amin – PP, que ainda nem lançou sua candidatura oficialmente, e já aparece com 12,1%, e se fechar com o PSDB, tem tudo para chegar no segundo turno, para enfrentar o governador Carlos Moisés – Republicanos.