BLOG DO ESPETO - PRETO.png
  • Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Por unanimidade

A Câmara de Vereadores votou por unanimidade o recebimento do requerimento para a criação das Comissões Processantes para investigar o vice-prefeito Márcio Dreveck – PP e o vereador César Godoy – PSB.


Votação

Os vereadores Edimar Salomon, Peter Kneubuehler e Marco Redlich, utilizaram a palavra para justificar os votos. Para Edi “a Câmara está na UTI e nos cartórios, portanto precisamos que isso tudo seja esclarecido”. Já o vereador Redlich lembrou que na legislatura passada, alguns vereadores votaram contra a criação de investigação contra o então prefeito Fernando Tureck, “mas mesmo sendo do partido do Márcio, sou a favor de investigar os fatos”. O presidente Peti, também citou o caso do prefeito Tureck, dizendo “que como vereador tem o dever de fiscalizar o executivo nos seus atos”.


Comissão processante

Através da sorteio e respeitando a proporcionalidade dos partidos, vereador Edimar Salomon – PP, vereador Fernando Mallon – MDB e o vereador Jaime de Lima – PSDB, que irão compor a Comissão Processante para investigar o caso do vice-prefeito Márcio Dreveck. No caso do vereador Godoy foram sorteados os vereadores, Nivaldo Bogo – MDB, vereador Jairson Sabino – PSDB e Edimar Salomon – PP.


Viliczinski convocado

Em face do vereador Paulo Zwiefka também estar no processo que envolve o vice-prefeito Márcio Dreveck, e portanto, por estar impedido de participar da sessão e também de votar, a Câmara convocou o suplente do PSB, Fernando Viliczinski, para as discussões e votação da criação da Comissão Processante. Viliczinski também substituiu o vereador Daguimar Nogueira por se considera impedido.


Oposição

A oposição terá maioria nas duas comissões processante. E como isso tanto Godoy como Márcio não terão vida fácil, principalmente por que o vereador Edi mesmo sendo do PP, já é oposição.


Dívida

O prefeito Magno Bollmann enviou projeto de a Câmara que Institui o Programa Mutirão Dívida Zero, e dá outras providências. Atualmente a dívida de contribuintes chega a R$ 146,6 milhões, provenientes de tributos, impostos e taxa, especialmente contribuição de melhorias. A dívida poderá ser paga em quatro parcelas.


Castração

O vereador Marco Redlich durante seu pronunciamento falou sobre um projeto de sua autoria, onde a secretaria de agricultura, se utilizasse do projeto de castração de animais, cães e gatos, num total de 188 animais, através do CastraBus. Os procedimentos atenderão entre os dias 11 e 12 de dezembro, no Ginásio Annes Gualberto. Os custos de R$ 16,6 mi serão bancados pela prefeitura. Um dos requisitos é a família não ultrapassar os 3 salários mínimos de renda.


Um entra e outro sai!

O prefeito Magno Bollmann, apresentou ontem o novo secretário de Obras Helio Alves, que já atua na pasta. No mesmo dia também anunciou a exoneração do presidente da Emhab, Vilson Fenner, que nem deveria ter sido nomeado, pois o engenheiro de carreira Rodrigo Schreiner, já fazia um excelente trabalho quando respondeu interinamente.


Recursos do Mauro

O prefeito de Rio Negrinho Julio Ronconi firmou na manhã desta quinta-feira, 28, dois convênios com a Caixa Econômica Federal, que totalizam R$ 706.378,52. Eles serão usados para o recape asfáltico das ruas Padre Luiz Gonzaga Steiner e João Augustin (Industrial Norte), e para a revitalização do entorno do Pavilhão dos Imigrantes, e foram destinadas à Rio Negrinho pelo então deputado federal Mauro Mariani - MDB.


Gean fecha com o DEM

O prefeito de Florianóplis Gean Loureiro acertou sua ida para os Democratas. Encontros com o presidente nacional ACM Neto e com o presidente estadual, João Paulo Kleinubing, em Brasília. Definiram a questão. Gean pediu um tempo para informar aos demais partidos com os quais estava conversando, além da própria executiva do DEM da capital. “Ele quer entrar pela porta da frente, por isso quer primeiro conversar com o partido antes de anunciar”, informou uma fonte. Além da eleição do próximo ano, Gean Loureiro vai para o DEM acertado que é um dos pré-candidatos do partido, ao Governo do Estado em 2022. Não há prazo para o anúncio.