• Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Pavimentação O prefeito Tomazini informou que mandou realizar projetos de engenharia, para atender cerca de 30 ruas, com concreto e ou pavers. Nesse novo projeto serão investidos R$ 12 milhões. Na mesma ocasião, anunciou a pavimentação de parte do acesso ao Autódromo Lourenço Schreiner, numa extensão de 800 metros, a partir da SC-418. Burocracia Tomazini também reclamou da burocracia e a demora que emperram os projetos, até que possam ser licitados e que de fato possam sair do papel. Plano 1000 Outra preocupação do prefeito, diz respeito aos prazos para que projetos que serão beneficiados pelo Plano 1000, anunciados pelo governo do estado. “Para que esses recursos sejam depositados na conta da prefeitura, primeiro as obras terão que ser licitadas”, ressaltou. Imigrantes Devido a demora para que a Amunesc conclua o projeto da duplicação da Avenida dos Imigrantes, Tomazini explicou que a secretaria de planejamento, sob o comando do secretário Ariel Stricker, assumiu o projeto, onde serão investidos R$ 20 milhões. Transpão Sobre o emblemático projeto do contorno Norte, apelidado de Transpão, já que liga as duas panificadoras Pimpão e São Bento, entre a Avenida Argolo e os limites da Rua Antonio Kaesemodel, até a Rua José Bayerl, o prefeito disse que está se inteirando dos detalhes do projeto, para saber do porquê, de ainda não sair do papel, e ter sido construído uma ponte, sem antes ter o projeto de sua abertura. Ainda sobre a transpão, afirmou que até o final do mandado, “ela deve pelo ter o seu trecho aberto”. Saúde Quanto às obras da UPA, informou que agora o projeto já foi corrigido, e recebeu o aval para ser licitado, onde serão investidos R$ 12 milhões. Numa primeira etapa os recursos são os R$ 2 milhões, via emenda do deputado Silvio Dreveck, além de mais R$ 5 milhões do Plano 1000, cuja licitação deve ser lançada na próxima semana. Saúde II Anexo da UPA também será construído o Centro de Especialidades Médicas - CEM – “Com isso além de economizar em aluguel, no caso do CEM, a UPA vai desafogar o hospital nos atendimentos ambulatoriais”, ressaltou Tomazini. E com a construção da UPA e do CEM, será o primeiro passo para a construção de um hospital regional em São Bento do Sul, pelo menos é o que o prefeito sonha. Saúde III Tomazini que também é médico, falou sobre o aumento de mais de 100% nos atendimentos nos postos de saúde. Em 2021 foram um total de 469 mil atendimentos, contra 260 mil em 2020 – “E isso tudo com o mesmo pessoal”, ressaltou. O prefeito também reclamou da falta de médicos para contratação. “Já fizemos 10 processos seletivos, mas poucos se interessaram”, relatou. Mas afirmou que pelo menos em quatro PSF, haverá médicos suficientes para atender a comunidade. Educação Sobre a educação, falou que tem avançado nesses primeiros 14 meses, com investimentos em todas as escolas – além de obras de reformas e ampliação em todas elas, com aquisição de utensílios, bem como, estão sendo investidas em tecnologia de ponta, com foco no aprendizado dos alunos. Outro avanço, será a construção da super creche, com investimentos de R$ 3,5 milhões. Mudanças urgentes Tomazini confirmou que fará mudanças no seu primeiro escalão. Só não diz quando nem quem vai dançar. Mas isso é urgente e precisa acontecer, sob pena de sua gestão encalhar no próprio barro da ignorância e prepotência de alguns. Principalmente, por um dito cujo de "confiança", que fica o dia inteiro tomando chazinho e falando mal pelas costas de membros da imprensa, e se achando. Quero ver onde vai trabalhar, na iniciativa privada, ganhando R$ 11 mil, depois que a mamata acabar em 2024. É bom não esquecer que tenho muitos amigos na prefeitura, que não são surdos... Cobrança O deputado Silvio Dreveck – PP, através de indicação ao Governo do Estado, cobrou providências com relação à falta de segurança enfrentada pela comunidade localizada nas proximidades da Escola Básica Municipal Professora Aracy Hansen, que fica às margens da Rodovia SC 418, mais precisamente no Km 53. Cobrança II Diariamente professores, pais, alunos e demais moradores, arriscam a vida ao fazer a travessia da rodovia que tem um fluxo intenso, ultrapassando o número de 20 mil veículos por dia. Dreveck lembrou que já há projetos de melhorias para esta rodovia, por parte do Governo do Estado. Mas como se tratam de grandes projetos, ainda não há data prevista para início das obras, sendo necessária portanto, uma intervenção pontual e imediata naquela localidade. “Quando falamos de alunos, de crianças, de professores, temos que pensar antes no ser humano e depois nos veículos”, ponderou. Silvio que deixa a Alesc, no final do mês, deve concentrar sua campanha para chegar em Brasília, como deputado federal. A Limpeza do rio Papanduva, foi elogiado pelo vereador Adolfo Geraldi. Na ocasião o vereador disse ser muito importante essa limpeza e alargamento, para evitar enchentes. “O prefeito Saliba, o vice Jaime e o secretário Jefinho”, estão de parabéns. Umas no claro “E outras ruas na escuridão”. Foi o que disse a vereadora Mariângela Senna, “sobre trocar as lâmpadas por led, mas deixar as ruas Mafra e da Lago Seca, na completa escuridão.” Segunda vara Essa é a cobrança da advogada e vereadora, Mariângela Senna, para que se crie a segunda vara na Comarca de Papanduva, e pede apoio a todos os vereadores. Hoje são 9 mil processos tramitando, ‘mas isso nem um juiz super homem poderia vencer, analisar e julgar', relata. O vereador Cezinha, que também é advogado, explicou que no Fórum de Itaiópolis, por exemplo, que tem cerca de 2 a 3 mil processos, uma sentença e ou análise, sai em menos de três meses, já em Papanduva, isso pode levar até dois anos.