top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política


Pavimentação

O prefeito Tomazini informou ontem, ao blog, que mandou realizar projetos de engenharia, para atender cerca de 30 ruas, com concreto e ou pavers. Nesse novo projeto serão investidos R$ 12 milhões. Na mesma ocasião, anunciou a pavimentação de parte do acesso ao Autódromo Lourenço Schreiner, numa extensão de 800 metros, a partir da SC-418.


Burocracia

Tomazini também reclamou da burocracia e a demora que emperram os projetos, até que possam ser licitados e que de fato possam sair do papel.


Plano 1000

Outra preocupação do prefeito, diz respeito aos prazos para que projetos que serão beneficiados pelo Plano 1000, anunciados pelo governo do estado. “Para que esses recursos sejam depositados na conta da prefeitura, primeiro as obras terão que ser licitadas”, ressaltou.


Imigrantes

Devido a demora para que a Amunesc conclua o projeto da duplicação da Avenida dos Imigrantes, a secretaria de planejamento, sob o comando do secretário Ariel Stricker, assumiu o projeto, onde serão investidos R$ 20 milhões.


Transpão

Sobre o emblemático projeto do contorno Norte, apelidado de Transpão, já que liga as duas panificadoras Pimpão e São Bento, entre a Avenida Argolo e os limites da Rua Antonio Kaesemodel, até a Rua José Bayerl, o prefeito disse que está se inteirando dos detalhes do projeto, para saber do porquê, de ainda não sair do papel, e ter sido construído uma ponte, sem antes ter o projeto de sua abertura. Ainda sobre a transpão, afirmou que até o final do mandado, “ela deve pelo ter o seu trecho aberto”.


Saúde

Quanto às obras da UPA, informou que agora o projeto já foi corrigido, e recebeu o aval para ser licitado, onde serão investidos R$ 12 milhões. Numa primeira etapa os recursos são os R$ 2 milhões, via emenda do deputado Silvio Dreveck, além de mais R$ 5 milhões do Plano 1000, cuja licitação deve ser lançada na próxima semana.


Saúde II

Anexo da UPA também será construído o Centro de Especialidades Médicas - CEM – “Com isso além de economizar em aluguel, no caso do CEM, a UPA vai desafogar o hospital nos atendimentos ambulatoriais”, ressaltou Tomazini. E com a construção da UPA e do CEM, será o primeiro passo para a construção de um hospital regional em São Bento do Sul, pelo menos é o que o prefeito sonha.


Saúde III

Tomazini que também é médico, falou sobre o aumento de mais de 100% nos atendimentos nos postos de saúde. Em 2021 foram um total de 469 mil atendimentos, contra 260 mil em 2020 – “E isso tudo com o mesmo pessoal”, ressaltou. O prefeito também reclamou da falta de médicos para contratação. “Já fizemos 10 processos seletivos, mas poucos se interessaram”, relatou. Mas afirmou que pelo menos em quatro PSF, haverá médicos suficientes para atender a comunidade.


Educação

Sobre a educação, falou que tem avançado nesses primeiros 14 meses, com investimentos em todas as escolas – além de obras de reformas e ampliação em todas elas, com aquisição de utensílios, bem como, estão sendo investidas em tecnologia de ponta, com foco no aprendizado dos alunos. Outro avanço, será a construção da super creche, com investimentos de R$ 3,5 milhões.


Herança

Tomazini também disse que recebeu de herança, vários projetos que precisam ter continuidade, citando, como exemplo, o Plano Diretor, o Georreferenciamento, o transporte coletivo urbano e o Plano Municipal de Assistência Social. “Mas como fomos eleitos temos o dever de trabalhar duro, para que tudo isso se concretize e nossa cidade melhore e fique bonita”, destacou.

bottom of page