• Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Triste

Ângelo Peschiski, único vereador emedebista, que já era considerado “Persona Non Grata”, dentro do partido, deu o tiro em seu próprio pé, e ainda deve levar mais uns dez junto com ele, provando que os emedebistas da gema estava certo sobre sua conduta conturbada. Triste II Essa investigação sobre a prática das tais ‘rachadinhas’, se aprovada, vai acabar com a carreira já tortuosa de Peschiski, que já tem em seu ‘currículo’, a de que pediu 10 cargos no governo para apoiar qualquer candidato a prefeito. E pior, os que se elegeram deram esses dez cargos. Triste II Para toda a Câmara de vereadores, que ainda nem foi arquivado na memória dos eleitores, os episódios envolvendo o vereador Cezar Godoy – e o ex-vice-prefeito Marcio Dreveck, que levou os dois para a prisão. Sem contar que o atual vereador Paulo Zwiefka, ainda luta para provar sua inocência em casos semelhantes. Triste III Vai ficar mais ainda, se neste momento, a presidente da Câmara, Carla Hofmann, não afastar urgentemente a tal servidora da Câmara, e quem sabe outros envolvidos, pelo menos até que prove ou não a sua culpa e envolvimento. Sem falar que a citada servidora já está nesse cargo em comissão há oito anos. Triste IV Também se o prefeito Tomazini, não afastar ou exonerar os servidores indicados por Peschiski, para cargos comissionados. Para não correr o mesmo risco de desgaste do tempo de Magno Bollmann, que ficou marcado, por que negava o que acontecia na sua antessala. Onde em um episódio pitoresco, com a chegada da polícia, 'o dinheiro escapuliu dos bolsos de um dos envolvidos’. E ainda Sobre a Câmara de São Bento do Sul, cresce a todo instante, os pedidos de aliados da presidente, Carla Hofmann – PSD, para que cancele a licitação da compra do carro de luxo. Pois não é feio dar um passo atrás e corrigir a trajetória dos acontecimentos, pois lá na frente o eleitor não vai perdoar. Senão, como diz meu amigo Cezar Miranda – tem político que é igual a circo – tem curta temporada.

E com Esses R$ 212 mil, poderiam ser repassados para a nossa APAE, que sofre todos os anos para manter os custos de manutenção, principalmente com combustível, consertos de veículos e outros itens, E que se não me falha a memória, esse combustível foi cortado pela prefeitura neste início de ano. Ansioso Está o suplente do PP, Rodrigo Vargas, para assumir por sessenta dias na Câmara de São Bento do Sul. Tem dito que vai convocar vários secretários e diretores para explicar coisas e atitudes mal sucedidas. Até aí tudo bem! Mas ele não pode esquecer das merrrrrrrrrrrcadorias que aconteceram no governo de Magno Bollmann e Márcio Dreveck. Portanto, muita calma nessa hora! Será!? Soube na rádio corredor da prefeitura de Rio Negrinho, que o prefeito Caio Treml – PL, estaria um pouco apavorado com o povo, que vem cobrando as promessas de campanha. E também em que estaria, digamos, meio que comandado por um certo detentor de um cargo de primeiro escalão. Mas isso deve ser fofoca, né! Já no Paraíso da Serra os emedebistas da gema, estão sem palavras sobre o governo de Alice Grosskopf. Agora não se sabe se o sem palavras, é por que não são ouvidos, ou estão mesmo estarrecidos com o andar da carruagem emedebista, cuja carruagem já tem duas rodas trincadas. Gostei

Desse candidato do MDB velho de guerra. O atual prefeito empresário bem sucedido de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli. O homem colocou o pé na estrada, e está enfrentando a bancada do partido, que está até o pescoço no governo de Carlos Moisés, e não querem largar o osso. Parece que finalmente o 15 vai estar na urna eletrônica novamente, depois de muitos anos. E não poderia ser diferente, pois é o maior partido do Estado.