• Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Mais Baixas

Notícia de bastidores dão conta, que o Diretor Técnico do SAMAE, Engenheiro Sanitarista Vinicius Luiz Sartori, do quadro técnico de engenheiros da prefeitura estaria com o seu pedido de exoneração nas mãos para entregar ao prefeito Tomazini.


Mais baixas II

O que chama a atenção mesmo é o fato de que Vinícius não está apenas se exonerando do cargo para o qual foi nomeado no início dessa gestão, mas sim saindo da Prefeitura! A pergunta que fica é a seguinte - Estaria ele abdicando do seu cargo de concurso insatisfeito por falta de valorização profissional para o setor?


Mais baixas III

Já o Diretor da Defesa Civil, Engenheiro Civil Marcelo Laynes Milla, também do quadro técnico de engenheiros da prefeitura teria entregado o cargo hoje pela manhã. Mas consta que após reunião no gabinete, estariam tentando acalmar os ânimos junto aos colegas após a injusta demissão da Engenheira Schéliga da Diretoria de Planejamento semana passada. Schéliga e considerada uma líder no setor de planejamento. Até o momento, nada de oficial foi divulgado pela assessora de imprensa.


Educação

O secretário de educação, Josias Terres, apresentou ontem o relatório final de 2021, e juntamente com sua equipe, comemora os resultados positivos e avanços, mesmo em um ano de pandemia.


Educação II

Que que uns e outros tenham tentado passar para a comunidade, que os R$ 3,5 milhões, para a construção de uma Super Creche era fake, nesta segunda-feira, o prefeito Antonio Tomazini assinou a validação dos recursos do Ministério da Educação, para a referida escola. Que será erguida na Rua Maximiliano Eichendorf, no Bairro Dona Francisca.


Educação III

Todos estão de parabéns, a comunidade, o deputado Darci de Matos, a vereadora Carla Hofmann, além do secretário Josias Terres e o prefeito Tomazini, que através da equipe técnica providenciaram em tempo recorde o projeto e o terreno.


Já sobre

A novela da pavimentação da Estrada Dona Francisca, está longe da gestão de Tomazini receber os parabéns. Isto por que, a empresa vencedora da licitação, descobriu que o valor que será pago para a obra, “é muito pouco”.


Tanto é que

Depois de questionar a assessoria de imprensa, no dia de ontem, recebi a seguinte resposta. “Conforme a Secretaria de Planejamento e Urbanismo, a empresa vencedora de licitação fez alguns questionamentos, os quais foram respondidos no começo deste mês. Agora, é aguardado o retorno das férias para nova reunião com a empresa para saber se todos os questionamentos foram sanados e saber sobre o início dos trabalhos no local.” Então caros moradores e usuários da referida rua, é melhor esperar sentado, e com as janelas fechadas, por que o pó vai continuar.


Na realidade...

O que aconteceu, foi o seguinte - e foi hoje pela manhã explicado pela prefeitura - Em release enviado para a imprensa - "A Secretaria de Planejamento e Urbanismo e os engenheiros da empresa vencedora da licitação da obra da Estrada Dona Francisca identificaram um problema no projeto de drenagem e, por este motivo, as obras de recuperação do trecho de aproximadamente 1,1 km não puderam ser começadas neste início do mês. O projeto, feito na gestão passada, está sendo refeito pela secretaria para que, então, a empresa possa dar sequência à pavimentação da via.

Conforme o prefeito Antonio Tomazini, por sorte o problema foi identificado agora, antes dos trabalhos começarem. Segundo ele, caso a obra fosse realizada com base no projeto anterior, problemas poderiam surgir no trecho em pouco tempo, danificando o pavimento. "O projeto cujos problemas foram encontrados é o de drenagem da via, elaborado ainda na gestão passada, e agora esta parte está sendo refeita, para que então a obra possa, finalmente, ser realizada e beneficiar a população”, comentou." Então quem errou o projeto foi a gestão passada, até aí tudo bem! Mas espera-se que isso não custe mais para o cidadão que paga seus impostos em dia!


E ainda

Sobre o governo de Tomazini, já ouvi um zum, zum, zum, por aí que um grupo de pessoas que pagam impostos em dia, já pensam em pixar o prédio da prefeitura com a celebre frase – FORA TOMAZINI. Acredito que o homem está apenas do segundo ano de mandato, e também isso seria coisa de vândalos. Mas é melhor que fiquem atentos!


Bastidores

Corre na rádio corredor, que já tem gente grande e que detém mandatos, que já pensam em levar a questão das colocações do radialista Forteski, para o Ministério Público, sobre uma suposta ameaça do secretário de obras e vereador licenciado, Jairson Sabino, contra irregularidades na gestão de Tomazini. Com a palavra os senhores vereadores, que são os fiscais do dinheiro público e de qualquer improbidade.


Nova presidente

A vereadora Alessandra Cristofolini – PSL, que assumiu a presidência da Câmara de Rio Negrinho, ao reunir a imprensa ontem, disse em alto e bom som, que vai implantar uma “nova cara, mais feminina” para o Legislativo. O expediente normal da Câmara, volta no dia 24 janeiro, e a primeira sessão ordinária, dia 07 de fevereiro.


Nova presidente II

Também afirmou que vai apoiar o prefeito Caio Treml – PL, em todos os projetos em prol da comunidade. Outra decisão, será a continuidade do projeto Vereadores Mirins, que estava parado devido a pandemia. Ela também anunciou a nomeação da vereadora Flávia Vicente – MDB, como a nova procuradora da mulher.


Nova presidente III

Crostofoni informou na ocasião, que através de uma parceria, deverá implantar a Escola do Legislativo, nos moldes da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, com parceria com a Câmara de Joinville.


Nova presidente IV

Na mesma oportunidade, a presidente anunciou o investimento de R$ 350 mil, na construção da sede própria da Defesa Civil, que vai ser erguida ao lado esquerdo da prefeitura. Ela conseguiu esses recursos através do deputado e presidente do PSD do estado, Milton Hobus.