BLOG DO ESPETO - PRETO.png
  • Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

Arquivada

Comissão processante da Câmara de Vereadores de São Bento do Sul, arquiva denúncia contra os vereadores, Peti e Marco Redlich ambos do PP, por 9 votos favorável ao arquivamento da denúncia, dos vereadores, Edimar Salomon, Wotroba, Elizete Kindler, José Carlos Fernandes, Fernando Mallon, Jaime Lima, Nivaldo Bogo, Jairson Sabino e Paulo Zwiefka e 1 voto contrário ao arquivamento do vereador Daguimar Nogueira.


Arquivada II

A denúncia apresentada pelo advogado Luiz Novaski, tinha como fato de que os citados vereadores, tinham supostamente recebido valores ilegais do Partido Progressista – PP.


Arquivada III

A comissão processante, em sua relatoria defendeu que não havia prazo hábil para que os denunciados tivessem uma ampla defesa, bem como, para o contraditório. Outro fato alegado foi devido aos denunciados não terem mandatos a partir de 2021.


Arquivada IV

Para dar continuidade a denúncia, eram necessários 2/3 dos votos dos vereadores da casa, ou seja, 7 votos no mínimo. Para o vereador e membro da comissão processante, Jairson Sabino, a comissão bem relatou “não haver mais tempo hábil para uma ampla defesa, e também por que a denúncia perdeu o objeto. Os vereadores Peti e Redlich, agora podem respirar aliviados e concluir o mandato, que o povo o concedeu.


Alerta

O vereador Fernando Mallon – MDB, voltou a questionar o fato de os casos de Covid estarem aumentando, sem falar que a UTI está lotada. Outra preocupação é quanto ao retorno das aulas presenciais. Dizendo que se não forem tomadas as medidas corretas e mais severas para proteger os alunos e professores, o sindicato dos servidores municipais, deverá tomar uma atitude para que isso aconteça.


Equipe

Após uma semana bem agitada na escolha e especulações sobre nomes para compor o governo de Tomazini e Tirso, já esta semana até ontem, a coisa esfriou um pouco. A não ser pelas confirmações de Sabino na obras, Josias na educação, subtenente Sandro Moecke no Detru e Vilson Bento no Procon.


Equipe II

E como publicado pela coluna na semana passada, continuam cotados para as pastas da saúde, Geraldo Weihermann, Osvalmir Tscoecke no desenvolvimento econômico e Gilmar Pollum na assistência social.


Equipe III

Mas a coisa deve esquentar nos cargos de segundo e terceiro escalão. Ainda espera ser chamado por Tomazini, por exemplo, o ex-candidato a vereador, Jeferson Nossol, o Xaropinho, que obteve em 2016, 197 votos pelos tucanos. E ainda a suplente de vereadora a professora Ju Drechsler e Adriano Cubas, ambos do Cidanania, entre outros que ha muitos anos trilham ao lado de Tomazini.


Equipe IV

O ex-vereador e professor de educação física, Sérgio Pacheco, seria a pessoa certa para comandar a FME, principalmente por ter personalidade e para promover mudanças na gestão e na forma de contratação de treinadores.


Pesquisa

Pesquisas do Instituto Paraná para o segundo turno em Joinville, aponta o candidato do NOVO Adriano Silva com 54,8%, superando Darci de Matos – PSD, com 29,7%. Ele pode ser o primeiro nome da sigla a conquistar uma prefeitura no país.


Pesquisa II

Já em Blumenau, o atual prefeito Mário Hildebrandt – PODE, abre vantagem de 59,2% para vencer João Paulo Kleinübing no 2º turno, que está com 24,7%. JPK já foi prefeito de Blumenau em duas oportunidades, em 2004 e reeleito em 2008.