BLOG DO ESPETO - PRETO.png
  • Vilmar Bueno, o ESPETO

Ciranda Política

MDB na disputa

O MDB de São Bento do Sul, lançou nesta quinta-feira, através de uma live, e a participação de representantes da imprensa, os nomes da ex-vereadora e ex-secretária de educação, professora Adriane Rozanowsky e como vice numa chapa pura, o nome do ex-prefeito e atual vereador, advogado e professor universitário Fernando Mallon.


MDB na disputa II

Para Mallon Adriane reúne todas as experiências necessárias como mulher publica, para comandar o município. Adriane hoje preside o partido, com Mallon de vice. Adriane por sua vez destacou os desafios que vai enfrentar se eleita, principalmente no próximos anos, devido a pandemia, que vai impactar a economia com números negativos.


MDB na disputa III

Sobre a nominata de vereadores, explicou que já possui as cinco mulheres pré-candidatas, e quanto aos demais 15 nomes de homens o partido está finalizando a relação. “O MDB é um partido de movimento e na campanha vai para as ruas, e por isso não poderia ficar fora das eleições”, ressaltou Mallon. O partido conta hoje com cerca de 1.700 filiados.


MDB na disputa IV

Com essa decisão a disputa eleitoral vai ficar mais acirrada, pois o MDB tem pelo menos 12 ou 13 mil votos de largada. E com as brigas pessoais entre Tomazini e Magno Bollmann, além das candidaturas de Ismar Becker – PSD, Edmar Salomon – PROS e Nivaldo Bogo – Podemos, o resultado está indefinido.


MDB na disputa V

Mas os emedebistas não podem esquecer que tanto Adriane como Mallon tem problemas com a justiça, e mesmo Mallon afirmando que vai reverter essa situação, o povo não vai esquecer. Sem falar que na administração de Mallon, ficaram dívidas com empreiteiras que podem inviabilizar as contas da prefeitura. Mas tenho que admitir que o MDB não poderia ficar fora da disputa.


Mudança radical

O prefeito Julio Ronconi – PSDB depois de ter dado cargos em seu governo para o PSD de Ronei Lovenbeguer, agora vai enfrentar a oposição do PSD.


No paraíso

Em Campo Alegre o prefeito Rubens Blaszlowski – PSD tem tido uma árdua tarefa para manter a coligação PSD/PP/DEM. De um lado o Raul Johanson – DEM não aceito o vice Sebastião Kons – PP na chapa e Sebastião não aceita Raul. Então que o PP e o DEM saiam com candidatos e pronto. Pois de outro lado está o MDB com sede de voltar ao poder.