BLOG DO ESPETO - PRETO.png
  • Vilmar Bueno, o ESPETO

Caminhoneiros iniciam protesto no Paraná e podem parar a partir de quarta



Caminhoneiros do Paraná inciaram nesta segunda-feira (2) um protesto contra a indefinição com relação à tabela do frete, que eles dizem estar defasada e também contra a falta de fiscalização nas empresas, que não estariam pagando o piso do frete.

Um ato é realizado desde a manhã desta segunda na BR-116, em Quatro Barras, mas uma paralisação está marcada para começar na quarta-feira (4), caso não haja um movimento para solucionar o problema.

Segundo o Sindicato dos Transportadores Autônomos de Cargas de Sao José Dos Pinhais (Sinditac SJP), a manifestação já estava marcada há tempos por conta do julgamento da constitucionalidade dos pisos mínimos para a categoria, que havia sido marcado para a próxima quarta-feira pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A pedido do governo federal, que apelou ao ministro Luiz Fux por meio da Advocacia Geral da União (AGU), o julgamento acabou sendo adiado e não há previsão para que uma nova data seja marcada. O governo alega estar buscando uma alternativa ao tabelamento junto aos caminhoneiros.