BLOG DO ESPETO - PRETO.png
  • Vilmar Bueno, o ESPETO

Caio Treml assume vice-presidência do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário



Região

A primeira Assembleia do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da Região da Amunesc (CIM-Amunesc), realizada nesta sexta-feira, definiu os integrantes dos conselhos administrativo e fiscal da nova estrutura que vai fomentar recursos para projetos de interesse regional. O período do mandato dos dois conselhos tem duração de um ano.

O prefeito de Garuva e presidente da Amunesc , doutor Rodrigo Adriany David, foi aclamado para assumir também o Conselho Administrativo do CIM-Amunesc. O primeiro vice-presidente é o prefeito de Rio Negrinho, Caio Cesar Treml; e a segunda vice-presidência ficou com o prefeito de Balneário Barra do Sul, Antônio Rodrigues.

Os dois cargos de conselheiros serão preenchidos posteriormente. A secretária executiva da Amunesc, Simone Schramm foi aclamada como diretora-executiva do Consórcio, cargo que vai ocupar de forma acumulativa.

O Conselho Fiscal está composto com o vice-prefeito de Itapoá, Jefinho Garcia; pelo vice-prefeito de São Bento do Sul,Tirso Hümmelgen, e com o vice-prefeito de Araquari, Ludgero Jasper Junior.

Durante a assembleia, o contato do consórcio foi aprovado por unanimidade pelos prefeitos. O CIM/Amunesc tem função de definir e executar projetos que atendam necessidades específicas e de interesse comuns dos municípios integrantes.

Os recursos serão obtidos pela participação dos nove municípios associados à Amunesc e também por meio verbas públicas federal e estadual. Essa estrutura administrativa vai atender uma região com 1,2 milhão de habitantes. Como tem a participação consorciada, os custos de contratos firmados para atender os projetos regionais podem proporcionar economia de recursos.

O Consórcio vai contar com câmaras temáticas e técnicas que irão definir os projetos prioritários. Elas abrangem as áreas de Meio Ambiente, Assistência Social, Saneamento Básico, Esporte, Infraestrutura, Mobilidade Urbana, Planejamento, Agricultura e Pesca, Educação, Desenvolvimento Econômico, Cultura, Turismo e Lazer, Movimento Econômico, Tributação e Finanças.

“O Consórcio Multifinalitário pode definir ações de forma individual e integrada, conforme a necessidade de cada realidade dos municípios. Tivemos referências de outros consórcios existentes e tenho certeza que será de muito benefício para a população da região”, disse o presidente da Amuesc e presidente do CIM-Amumesc, doutor Rodrigo Adriany David.

Com texto e imagens de Diego Rosa/Amunesc