• Vilmar Bueno, o ESPETO

Câmara de Papanduva avança no processo de digitalização da documentação administrativa




Papanduva


Durante o mandato do presidente vereador Cezar Santos, o Cezinha - PP, estão sendo implementado procedimentos para a conclusão da eliminação de papel (documentos físicos) em todos os setores.

Durante o ano de 2021, o presidente autorizou investimento na capacitação de servidores para o avanço da digitalização processual e para o manejo do arquivo remanescente nas formas da lei. O processo de produção digital de documentos iniciou durante a presidência do vereador Altamir Glonek - PP, com a contratação da empresa SoftCam Soluções Ltda., com a posterior implantação inicial do sistema digital.

O objetivo deste processo é gerar economia de material de expediente, contribuir com a sustentabilidade, agilizar processos, a redução da ocupação de espaço físico, acompanhar a evolução tecnológica, ampliar as ferramentas de transparência e facilitar a acessibilidade do processo legislativo para os vereadores, servidores e a comunidade.

A ideia inicial era parar de produzir documentos físicos em todos os setores, fase que está sendo concluída atualmente. O próximo passo será a conversão dos documentos físicos existentes (arquivo morto) para o meio digital.


O presidente Cezinha, destacou a importância do sistema que visa agilizar os trabalhos, que passam a serem assinados digitalmente pela Câmara, na implantação do projeto Câmara 100% Digital, sem papéis. E isso sem falar da economia, concluiu.