• Vilmar Bueno, o ESPETO

Assistência Social discute novo protocolo de atendimento



São Bento do Sul

A Secretaria de Assistência Social organizou um encontro para discutir atendimentos das crianças e adolescentes que sofrem violência, principalmente violência sexual.

Na ocasião o delegado, Fábio Estuqui, da Delegacia de Polícia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso - DPCAMI realizou uma reunião para profissionais da Secretaria de Assistência Social de São Bento do Sul, conselheiros tutelares e servidores da Secretaria de Saúde e Secretaria de Educação.



No evento teve a apresentação do protocolo de atendimento para pessoas que sofrem violência sexual de Joinville, onde o delegado recomendou que possa ser adotado um protocolo de São Bento do Sul, seguindo o modelo de Joinville. Além disso, também foi abordado sobre formas de agilizar o processo dos atendimentos e a necessidade do município ter grupos de reeducação para atender homens agressores conforme estipulado pela Lei Maria da Penha.


Para o secretário de Assistência Social, Gilmar Pollum, trata-se de uma oportunidade do município criar seu próprio protocolo de atendimento nesses casos, como forma de agilizar os processos em casos de violência contra crianças, adolescentes, idosos e mulheres. “O trabalho deve ser levado com todos os critérios, por isso adotamos um modelo como base, e o delegado irá nos auxiliar neste protocolo para que assim possamos fazer um serviço que também possa ser levado como modelo para outros municípios”, destacou Gilmar. O próximo encontro está marcado para ocorrer em abril com uma psicóloga da delegacia de Joinville.

Assessoria de Comunicação Prefeitura de São Bento do Sul