top of page
  • Foto do escritorVilmar Bueno, o ESPETO

Ações da Secretaria da Educação, Celesc e Acafe irá mapear e melhorar rede elétrica das escolas



Estado


Uma ação conjunta inédita entre a Secretaria de Estado da Educação, Sistema Acafe e Celesc pretende mapear as carências elétricas das escolas estaduais, agilizando a melhoria da infraestrutura e ampliando a capacidade de fornecimento de energia na rede estadual. Os termos da parceria técnica devem ser assinados nas próximas semanas.


“Nós precisamos cuidar das nossas escolas, desde o espaço físico até o pedagógico, para dar condições de que os professores tenham um bom ambiente para trabalhar e que os alunos se preparem para o futuro. Por isso, melhorar a infraestrutura elétrica das escolas para instalar equipamentos eletrônicos e ares-condicionados é uma das prioridades da nossa gestão”, enfatiza o Governador Jorginho Mello.



A melhoria na rede vai permitir que as instituições possam instalar o sistema de climatização e usar equipamentos eletrônicos como lousas digitais, que fazem toda a diferença no processo de ensino. Atualmente, mais de 700 escolas da rede estadual precisam de melhorias na rede elétrica. Os equipamentos adquiridos estão no depósito da Secretaria, mas não podem ser instalados por conta dos problemas elétricos.


A SED irá fornecer as informações e apontar as prioridades da rede enquanto os estudantes de engenharia elétrica das universidades fariam os levantamentos das demandas e os projetos elétricos de cada instituição. Caberia à Celesc, por meio das gerências regionais, avaliar e aprovar os projetos.


“Desde o início da gestão fizemos estudos para fazer um diagnóstico da rede e constatamos diversos problemas estruturais nas escolas, que já estamos trabalhando para resolver. Entendemos a importância dessas melhorias para a qualidade de ensino nas escolas e essa parceria vai tornar o processo mais dinâmico e rápido”, afirma o Secretário de Educação, Aristides Cimadon.


Para o diretor de Distribuição da Celesc, Cláudio Varella, trata-se de uma parceria importante para otimizar os recursos do Estado, agilizando o atendimento às escolas. “A Celesc dará todo o suporte técnico e dará prioridades para essas demandas das escolas. As regionais da Celesc receberão os projetos elétricos dos alunos e irão avaliar se o caminho ideal é melhorar a rede ou se a escola precisa realmente de uma carga maior, com a instalação de transformadores internos”, frisou ele.


Já o pró-Reitor de Ensino da Universidade Regional de Blumenau (FURB), Romeu Hausmann, reforçou que a parceria, além de gerar economia ao Estado, irá proporcionar experiências práticas aos alunos. “É uma honra para a Acafe participar desta parceria, melhorando a infraestrutura das escolas, ajudando no ensino e permitindo que os alunos possam colocar em prática o que aprenderam”, disse ele.



Mais informações


Secretaria de Estado da Educação

Fernanda Kleinebing

49 9 99489279


Celesc

Marcelo Tolentino

48 991773672


Acafe

Fernanda Ostetto

47 99129994

bottom of page